27 de março de 2009

ESPERANTINA E BATALHA PARECEM MESMO É COM UM CIRCO

Estas duas cidades chegaram a um ponto que seus moradores estão rindo para não chorarem por causa de alguns palhaços soltos por aí fazendo de seus discursos uma mariola de mentiras, chatices, gargalhadas, insultos, um verdadeiro rebaixamento de moralidade devido estarem vivendo enraizados nos erros deste processo histórico-social que passamos.

Nós esperantinenses até paramos para ouvir absurdos que sai da boca pôde daqueles que parece mais serem chefes de apresentação na abertura do grande espetáculo, pois aqui o circo abre suas lonas para o público abestado que acredita nas sucatas do passado e, infelizmente, de hoje.

O palhaço fala hoje e todos rir.
Amanhã ele fala tudo contrário, como um cretino, e ainda assim existem outros palhaços que o apoia.

Já os palhaços de Batalha vivem a falar de um partido(sigla), enquanto esquecem de falar das piadas da própria Batalha. Chegam a lubridiar em tanto falar do nosso circo chamado Esperantina que seus egos passam a serem trocados por ganância raivosa do capitalismo que rodeia os partidos negros do Brasil como forma de sobrevivência.

Parabéns aos circos ESPERANTINA E BATALHA pelo seu dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário