15 de julho de 2009

UMA REGIÃO QUE DAR DE TUDO.

Deste o inicio da humanidade, o homem sempre se deslocou para outros lugares atrás de alguma coisa para "comer".
Este motivo fez muita gente vim para Esperantina.
Nada se sabe da origem desta civilização mitológica, a não ser que cada um procura se dar bem na custa dos outros. Todos, quando deram por si, estavam dentro do mesmo território através do tempo.

A miscigenação das culturas trouxe como consequências o surgimento de uma nova cultura.

Mulheres que se vestem decentemente, enquanto outras andam seminuas sem nenhum constrangimento. Além de andarem seminuas, algumas ainda ficam se esfregando nos homens.

Surge uma sexualidade muita da estranha e complexa nesta região. Não se sabe se é homem ou mulher. A liberdade de expressão faz isso acontecer. São tantas as liberdades que devemos nos acustumar e nos desenvolver intelectualmente.

Vemos vários idiomas se misturarem, dentre eles:
RAQUIMPIRÊS;
ESPERANTINÊS;
BATALHÊS;
ARRAIAÊS.

Cada dia se cria uma nova cultura em especial neste tempo de liberdade e de globalização.
Devemos nos atentar, nos aluiar para esta perda de identidade e criação de outra.

Esta Esperantina é porreta. Dar de tudo um pouco.
Todos que aqui visitam e bebe do Longá não quer mais voltar.
Eita Esperantina boa dar danada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário