29 de julho de 2010

16 anos sem o trapalhão Mussum!


Cacildis! Nem parece, mas já são 16 anos sem Mussum, o “Kid Mumu da Mangueira”. O Trapalhão favorito de muita gente, autor dos bordões mais repetidos até hoje e eterno adorador do “mé” faleceu em 29 de julho de 1994, aos 53 anos, em virtude de complicações após um transplante de coração.

Nem um pouco politicamente correto, ele fazia piada do racismo quando dizia que “negão é seu passadis” ou que queria “morrer preto” se estivesse mentindo. Além disso, era frequentemente chamado de “grande pássaro”, “cromado” ou “azulão” pelos colegas. Outra característica – essa ainda mais marcante – era sua atração pelo álcool, fosse pelo “suco de cevadis” ou pela cachaça, que ele carinhosamente chamava de “mé”.

Fte-vooz

Nenhum comentário:

Postar um comentário