25 de setembro de 2010

A invasão da língua estrangeira em nosso Espaço Geográfico!

Infelizmente não há como fugir dessa praga. Por mais que estejamos no espaço geográfico brasileiro a língua estrangeira penetra nas vidas e no dia-a-dia de todos nós.

Os avanços educacionais são impressionantes como a infiltração de um novo idioma - portinglefranhol - junção do português, inglês, francês e espanhol.

Muitas das vezes nem sabemos da origem de certas palavras e a usamos sem saber até mesmo seu significado. Isso é me chama mais a atenção sem falar da minha irritação.

Reconheço muito bem a importância do conhecimento de outra língua. As exigências são inúmeras no mercado de trabalho e acadêmico e a prova disso é que todos os cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado exigem pelo menos a leitura em uma língua estrangeira.

Zeca Baleiro em "Samba de Approach" já deixou sua mensagem quanto esta invasão.

E você já falou hoje algo que desconhece. Eu já.
Quanto ao tema discorrido não tem nada mais do que me chama atenção a pobreza e desconhecimento sem falar da falta de criatividade de alguns empreendedores esperantinense, piauienses e brasileiros para escolher o nome, a marca para sua empresa. Usam estas palavras por acharem bonitas, porque soam bem.

Este povo reverencia muito tudo que vem de fora principalmente alguns esperantinenses. Pobreza de alma, de patriotismo.

É um tal de net pra cá, pra lá. Serv, fast food, campany e muitos outros abaixo:
Você já fez um déjá vu? Que tal um hotdog, hamburger, milkshake, café capuccino ou refrigerante light aí?
Deve usar cueca box ou sutiã, fazer upload ou download na internet para o seu notebook. Carrega seus arquivos no pendrive, ler seus e-mails. Estão pensando em comprar um IPod ou um IPhone, Francinato já comprou seu mastfone.
Invés de Forró prefere hip-hop, black music, reggae, rap, rock, dance ou tango?

Alguns seres entre nós podem até indagar dizendo: não vou sair mesmo do Brasil, então para que aprender outra língua. Os motivos já foram citados acima, porém quando você parar de ler esta matéria talvez continuar navegando na internet e se deparar com um site todo em outra língua. O que fazer? Aprender outro idioma é importante, o que não é necessário é trocar o nosso por outro simplesmente pelo motivo que devemos acompanhar o ritmo da globalização linguística.

Então se você caro colega leitor estiver pensando em apresentar esta post à alguém mostre através do Windows, Word, Power Point, Movie Maker ou Media Player tudo dentro de Data Show. Mas tem que ter um hardvare ou software avançado.
Para enriquecer sua apresentação ligue o Home Theater.

Esperantina deve continuar a se desenvolver tendo em você uma referência internacional.
Good Morning, Good afternoon ou Good night.

Nenhum comentário:

Postar um comentário