20 de julho de 2011

Será que agora sai o campo do Pirão da Parida?

Foto ilustrativa
É vergonhoso Esperantina não ter nenhum campo com iluminação artificial.
Talvez digam que nem campo temos. Aqui refiro aos Campos Society.

Os poucos que têm não são dotados de uma infraestrutura à altura das centenas de desportistas esperantinense.
Nem particular nem público temos campos para os dias de folga e lazer.

Mais tenho esperança que um dia o Campo Society do Pirão da Parida irá sair do papel para a alegria, saúde e prazer de quem faz parte desse grupo de amigos pernas de paus e quem sabe de toda uma cidade, afinal quase todos poderão usufruir desse espaço de lazer deste que paguem por isso.
O custo para se construir um Campo Society completo varia de R$ 70 a R$ 110 mil reais.
Então vamos à nossa realidade:
Precisamos de um terreno na casa de 8 mil reais, ou seja, 100x100m. Será que encontramos um terreno com este preço aqui Esperantina? Acho difícil mais não podemos perder a esperança.
As medidas oficiais de um campo como este é de 25X45 mínimo e 35X55 máximo.
Não precisamos colocar grama sintética dessa forma economizamos R$ 36 mil reais, pois um 1 metro quadrado dessa grama está no valor de R$ 30 reais.
Precisamos de 04 portes de 12 metros com luminárias que vária de R$ 8 a R$ 10 mil Reais tudo.
A estrutura do bar (semicompleto) e demais utensílios que compõe a quadra de futebol Society tais como gradeados, traves, redes, poço tubular, etc, etc, etc, varia entre R$ 6 a R$ 12 mil reais.

Em suma precisa-se de R$ 25 mil reais. Lembrando que estes valores sempre estã no máximo com exceção do terreno que pode vim a ser mais caro um pouco.
Alguns empresários esperantinense tem condição para fazer um "INVESTIMENTO" como este. Não fazem porque acham que não tem retorno.
Mais tem. E muito.
Basta alugar para os desportistas em dias alternados da semana por um valor camarada para pagar as despesas e lucrar um pouco. Este tipo de investimento é feito das grandes cidades e o que vemos é o dono aumentar seu patrimônio em pouco tempo. 
Aqui por ser uma cidade menor com certeza o lucro seria mais baixo, no entanto daria para sobreviver. Desportistas não faltam, além do mais poderia ser alugado para Poder municipal em "n" atividades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário