5 de fevereiro de 2013

O valor de um Capacete.

Capacete e bola de futsal: como pôde errar?
Cuidado para não sobrar para sua cabeça.

O capacete é um instrumento de proteção e minimização de danos aos motociclistas bem como objeto obrigatório no trânsito brasileiro, mas nas pequenas cidades como na terra do Longá, está servindo, também, para outros fins.
O mesmo foi inventado por R. C. Red Lombard, norte-americano, por volta de 1953. De lá para cá muito evoluiu tanto nos contornos, cores bem como em sua utilização.  

Este capacete, que dar nome a muitas pessoas que nasceram com o avantajado tamanho da cabeça, tem vários valores e tamanhos bem como, como já dizemos, utilidades.

Na postagem NOVA PROTEÇÃO PARA OS MOTOCICLISTAS, de 04 de Julho de 2012 demonstramos que os motociclistas de Esperantina estavam e continuam a usar o capacete para proteger os cotovelos e não a cabeça.

Na postagem de hoje queremos mostrar a todos que o capacete em nossa cidade está servido para guiar a educação municipal como forma de mostrar os devidos caminhos que nossos dirigentes devem se comportar nas curvas da aprendizagem humana. Parece que encontramos o objeto que estava faltando para impulsionar a Educação de Esperantina. Infelizmente não foi jogado como uma bola de futsal ( no alvo certo e na hora certa), no entanto ficou a dica de que este mesmo objeto de proteção às cabeças de muita gente veio para ficar em nossa aprendizagem política, social, cultural e........
Se vale R$ 600,00 reais ou mesmo um cargo de confiança não importa, o que importa agora é que devemos andar sempre protegido com um capacete para darmos-lhe o verdadeiro valor ou você prefere ser acertado bem no meio da testa com um?

Nenhum comentário:

Postar um comentário