12 de agosto de 2013

À sombra da Prefeitura.

Fto - portalesp.com.br/blog
Político brasileiro gosta mesmo é de aparecer. Uns só saem à noite para não serem perseguidos. Outros somente quando estão perto de uma corrida eleitoral.
É no café da manhã, é ao lado de animais os mais exóticos possíveis. Na pelada de futebol em campo de várzea ou mesmo nas novenas de comunidades mais longínquas da cidade. O importante é não perder o flash.

Quem não se lembra de 4 anos atrás onde um certo delegado do idoso foi apresentado à comunidade piauiense como o salvador da terceira idade? Pois é. Em todo canal de televisão do estado lá estava ele ao lado do padrinho/irmão político para dar alguma explicação sobre os fatos que estavam acontecendo na referida delegacia ao mesmo quase pedindo votos. E deu certo. Lá foram mais 100 mil votos.
Este ano não está sendo diferente. O ruim da história é que a nossa mãe Joana está sendo usada e abusada para o aparecimento desses homens de imagens quase queimadas.
Nunca na minha vida tinha visto um ou mesmo os dois deputados de Esperantina participando de uma inauguração de uma 'reforma' de escola muita menos esta inauguração sendo na zona rural. Na vida tem dessas coisas, sempre há a primeira vez. Mesmo que seja algo novo para nossa mídia, sempre será jogo velho de quem não quer perder.

Já prestaram atenção que o 'homem' está todo fim de semana em nossa cidade? Antes só 2, no máximo 3 vezes por ano. Pois é. Agora não. Chegou Sexta-Feira o destino é Esperantina. Aqui chegando logo chama o gestor, os babões e cai no campo à procura de novas bases para alavancar uma corrida por votos. 
Quando a disputa acabar tanto a prefeitura como o povo será novamente esquecidos. As férias provavelmente serão no exterior. Não se iludam com carinha de bom moço muito menos em conversas dessa classe de 'profissionais'.

"Sou o que eu penso, para vocês, sou o que eu transmito".

Nenhum comentário:

Postar um comentário