22 de janeiro de 2014

PT está solitário.

A mídia vendida da capital já fala: passou o 13, passou o 14, agora é a vez do 15. Vou mais longe: passou a vez dos partidos, dos que os fazem e agora chegou a vez do povo, da sociedade. É hora da sociedade se beneficiar, ser amparada, vista e ouvida. Não é mais admissível que a população viva de promessas onde estas são feitas com base para sustentar esta classe chamada de políticos partidários.

Sempre é assim, pelo menos neste fim de século XX e início do XXI. A luta é grande e, de grandes. No fim do século XX quem nos governou foi o PSDB. Colocou o Brasil no rumo. Acertou. Errou, é claro. No início do século XXI (que jamais será esquecido, viviam para ver isso) que tomou as rédeas foi o PT. Este deu continuidade a muito que foi feito em um passado próximo. Foi no campo social, econômico, político e corrupto. Partido é partido, não é mesmo?

O PSDB fez muitos homens políticos. O PT consolidou inúmeros homens e mulheres na política. Hoje O PT leva uma rasteira. Quem era Wilson? Sombra. Hoje exonera do cargo quem lhe ajudou a ser quem é. Motivo? Poder misturado com ganância. Nenhum partido está salvo da rasteira muito menos de dar uma rasteira. 

A questão agora é que a estrela solitária está mais solitária do que nunca. Mesmo tenho apoio das duas linhas de frente da política piauiense pré-candidatas ao governo estadual ( PMDB e PT) a estrela nacional terá dificuldades em alavancar a estrela estadual. O índio não terá vez. Saiu fraco na disputa pela prefeitura de Teresina e isso o levou ao enfraquecimento no interior do estado. Quem está no governo manda e desmanda e a prova disso é que muitos prefeitos estão do lado do molim molim e consequentemente do lado do PMDB. E os vereadores? Este vão para onde tem dim dim e nada mais.

Traição? Não. Ingratidão? Não. Inveja? Também não. Apenas conjuntura política onde as transações e trocas de favores falam mais alto nesta época onde o importante é deixar quem tem menos com menos ainda e quem tem mais sempre aumentar um pouco o poderio econômico e político.

"Sou o que eu penso, para vocês, sou o que eu transmito"

Foto: portaldocatita

Nenhum comentário:

Postar um comentário