13 de dezembro de 2014

Enfim, Papai Noel lembrou de Esperantina.

Rodoviária
Ho-ho-ho, Papai Noel chegou.
Fim de ano chegou e com ele as novas energias humanas.
É hora de renovar a esperança. Celebrar a vida.
O menino Jesus veio para nos salvar. Salvar de nós mesmo.

A cidade de Esperantina, comandada administrativamente por uma mulher, foi lembrada por Papai Noel este ano. 
Pelo menos nos pisca-piscas.
Nossa terra recebe, depois de muito tempo, uns enfeites natalinos. De lixo ou não, prefiro a reciclagem de comportamento e obrigações.
Já era hora. Apenas de coisas feias já estou cansado.


Início da Avenida Petrônio Portela
Quem conhece nossa Esperantina sabe que ela é feia. Mal planejada, cheia de gente feia (espírito), lamas e mais buracos.

A atual gestora está fazendo o que muitos deixaram de fazer quanto à estética da cidade. Vocês que são oposição, estão certos quanto à obrigação da mesma.
Se muitos noticiários engrandece nossa vergonha administrativa que pendura os três últimos governos municipais, agora pelo menos enfeites natalinos nós temos.
É pouco? É. Comparando aos governos anteriores, é muito. Basta sabermos olhar de forma correta.
Só esperamos que os investimentos feitos não seja de outro mundo.
Pelo menos em uma pequena parcela do ano a sociedade esperantinense deixa de ver o que acontece de ruim em sua cidade e passam a desfrutar de um momento ímpar que é o fim de ano com uma decoração natalina nas principais ruas de nossa terra natal.
Esta matéria é até estranha do ponto de vista do trabalho da prefeitura municipal perante ao fim de ano. Nos últimos a sociedade sempre reivindicou, mas nunca tinha sido presenteada.

Com elogios ou não, o importante é que nossa cidade está um pouco menos feia.

"Sou o que eu penso, para vocês, sou o que eu transmito".
Ponte de acesso à cidade
Igreja Matriz
Avenida Petrônio Portela
Frente da Igreja Matriz
Praça Principal
Coreto da Praça Principal
Ftos - Professora Lili Aragão

Nenhum comentário:

Postar um comentário