19 de janeiro de 2015

XV Copa Norte Futsal: duelo entre bebidas.

Na terra da Mangueira (Piauí) quem reinou na quadra foi a/o Campari.

A Copa Norte de Futsal, reunindo o Nordeste brasileiro através do esporte, é uma competição que reúne três estados: Piauí, Maranhão e Ceará.

O Piauí tem como bebida principal a Mangueira. Nos últimos anos surgiu a Cajuína. Estas duas são bebidas típicas do nosso estado.
No Maranhão têm a Tiquira e o refrigerante Jesus como bebidas típicas.
Já no Ceará é a Serrana que reina. Também tem a Ypióca, é verdade. Mas essa, infelizmente, foi patenteada como sendo norte-americana.

Falar em patente parece que o principal time de Esperantina 'patenteou' a bebida italiana (Campari) como sendo sua principal bebida.

Ontem (18/01/15) pela segunda rodada da XV Copa Norte de Futsal, sede de Esperantina, o time do Cajuína (que quando joga em Teresina é de Teresina e quando joga em Esperantina é de Esperantina) enfrentou o time de Esperantina, Campari usando um fardamento do extinto time do MS. Não entendo isso.


O Cajuína já vinha de uma vitória na primeira rodada. Bastava uma vitória para se classificar.
O Campari, por outro lado, vinha de uma derrota para o time de Campo Largo. Precisava vencer de qualquer jeito para continuar na competição. Para isso trouxe reforços de peso que mostraram muito serviço e talento dentro de quadra. Só não entendi foi esta foto aí de cima, onde o Campari é patrocinado pelo time do Cajuína. Caso eu fosse o dono do Cajuína o placar do jogo teria sido outro, rsrsrsrsrsrs. Brincadeirinha. 

No duelo de bebidas quem venceu foi a/o Campari pelo placar de 4X3 sendo o gol da vitória feito nos últimos segundos de jogo. 

Para quem gosta de Campari, misturado com suco de laranja, como eu, o placar foi bom demais, apesar de que continuo sendo piauiense e não italiano.
A questão é que a disputa entre estes dois times não se dar apenas dentro de quadra. Fora dela, existem piadas, apostas, discussões por ambas as partes. Até certo ponto isso é normal, pois duelo é duelo.
Eu que não gosto dessas discussões, fico aqui só observando e, claro, bebendo a minha campari.
Vai uma dose aí de campari? 
Foto: adorocomer
Para falar a verdade? Gosto mesmo é de Mangueira, porra!

"Na vida nada é tudo, tudo é pouco e pouco e nada, portanto, vivemos em um ciclo vicioso".

Nenhum comentário:

Postar um comentário