22 de setembro de 2016

Quociente Eleitoral e Partidário de Magalhães de Almeida-MA

Em breve 53 candidatos a vereadores em Magalhães de Almeida-MA irão disputar, nas urnas, apenas 09 vagas na Câmara Municipal daquele município.
Dos nove atuais vereadores, 07 estão disputando a reeleição.
Este ano 03 candidatos a gestor municipal estão no páreo.

E para entendermos melhor a forma de escolha dos vereadores (parlamento) aqui iremos tentar explicar como se dar esta escolha.
A divisão de vagas na Câmara Municipal não é majoritária, e sim proporcional.

Podemos resumir em duas formas a maneira como serão escolhidos os nove vereadores: uma é pelo QUOCIENTE ELEITORAL  e a outra é o QUOCIENTE PARTIDÁRIO.

De já, repito que sou contra esta maneira de eleger um vereador. Não é justo que um candidato que obtenha menos votos na urna seja eleito enquanto que um outro candidato que obteve mais votos não seja.

Quociente eleitoral: é o número obtido ao dividir todos os votos válidos alcançados na eleição seja pelas coligações, partidos ou mesmo cada candidato, pelo número de vagas disponíveis na Câmara Municipal, neste caso de Magalhães de Almeida são 09.

Como foi dito, Magalhães de Almeida neste ano de 2016 teve 53 candidaturas a vereadores homologadas. Hoje, devido 02 candidaturas terem sido indeferidas, apenas 51 candidatos estão na luta pela vitória no dia 02 de Outubro.

Estes 51 candidatos estão distribuídos em 03 coligações com três partidos majoritários PCdoB, PPL E PMDB:
* PPL = são 06 candidatos.
* Juntos somos mais fortes = são 23 candidatos
* Vamos continuar crescendo = são 22 candidatos.

Vamos ao Quociente Eleitoral.

Este ano estão aptos a votar em Magalhães de Almeida 12.908 eleitores.
De acordo com nossos cálculos, que não são totalmente técnicos, e fazendo uma comparação ao percentual de não comparecimentos de eleitores nas duas últimas eleições em Magalhães de Almeida, chegamos a conclusão de que mais ou menos 10% dos eleitores não votam.
Sendo assim, provavelmente apenas 11.618 serão os votos válidos este ano.

Com estes números podemos fazer a conta do quociente eleitoral: 11.618 divididos por 09 = 1290.

Então 1290 é o quociente eleitoral de Magalhães de Almeida. E o que isso quer dizer? Quer dizer que cada coligação partidária a cada 1290 votos recebidos elegerá um vereador.
Exemplo: Costa Júnior da coligação "Maranhão pode mais" e todos os 08 partidos que compõem esta coligação elegerá um candidato a vereador a cada 1290 votos adquiridos. 

E o Quociente partidário? Com o quociente eleitoral em mãos, fica fácil saber quanto votos cada candidato a vereador deverá fazer no mínimo para ser eleito pela coligação da qual faz parte.

Como o quociente eleitoral é 1290, basta obtermos 10% desse total, ou seja, 10% de 1290 é 129. Portanto, para cada candidato que almeja realmente fazer parte da Câmara Municipal de Magalhães de Almeida a partir de Janeiro de 2017 será necessário fazer no mínimo 129 votos nas urnas no dia 02 de Outubro.

Será que os candidatos Maélio, Joksan, Pio e Helyca irão conseguir atingir o quociente partidário? Vamos esperar para ver. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário