14 de janeiro de 2011

Festejo de São Sebastião e seu Milagre!

PE. Bernardo
Sempre tive certeza de que neste Festejo de São Sebastião ainda tinha algo de bom.
Esta bondosa alegria resume na pessoa de PE. Bernardo.

Ontem pensei que o som da Igreja da Matriz estivesse com problemas. Hoje confirmei que não. Quem está com problemas é quem o usou na 3º missa do novenário - o outro padre. Fala mal e baixo. Pobre homem!
Ontem não entendi nada sobre o evangelho enunciado. Hoje quase fui aos prantos de tanta comoção.

Podem dizer que estou contra o tradicionalismo e rancorismo de PE Ernesto. E estou mesmo. Tudo na vida muda, por que a Igreja Católica não pode mudar PE. Ernesto? Deixe este tradicionalismo e sermões de lado, caso contrário os fiéis irão distanciar ainda mais da igreja.

Antes que eu esqueça vamos voltar a falar do milagre de São Sebastião. Como se fosse a última bolacha do pacote PE. Bernardo faz qualquer um sentir vontade de sorrir mesmo no final de suas últimas emoções espirituais e religiosas. Ele faz surgir das profundezas da escuridão aquela fé de um dia melhor através das simples e diretas palavras.
Ao ouvir o evangelho sendo cantado não via a hora de derramar as lágrimas por compreender que um homem pode sim perdoar seu irmão como o irmão e salvador Jesus fez. Aquela cantiga, diga de passagem, bem feita por PE. Bernardo sinalizou que a Igreja Católica de Esperantina precisa voltar como era antes. Com fiéis a ouvir a palavra de Deus através de um homem carismático, presente, simples, humilde, direto, sábio a Igreja precisar deixar esses sermões que nos destrói a cada missa.

Fto - terradaboaesperanca.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário