16 de julho de 2013

A Geografia da mobilidade urbana esperantinense.

Trator de votos. Foto: scalaminiaturas
Eleito para amenizar os inúmeros problemas da sociedade esperantinense um certo vereador parece não dar ouvidos aos reclames populares e faz é aumentar tais problemas. A mobilidade urbana já é uma grande dificuldade para as médias e grandes cidades de nosso país e aqui este nobre vereador só piora as coisas.

O conceito de mobilidade urbana é contemporâneo e tem sido muito discutido nos últimos anos, principalmente nas grandes metrópoles do mundo. A mobilidade urbana está relacionada à movimentação das pessoas nas cidades, seja por transporte público, veículos particulares, bicicletas e a pé. 

Para este edil o 'negócio' é dar carona para seus eleitores rumo ao capital de nosso estado e não se preocupa em resolver os problemas da porta de casa seja eles de acessibilidade ou deslocamento adequado.
Bem em frente de sua casa funciona uma oficina mecânica de carros, que não deixa de ser sua, onde todos os dias estacionam proprietários de veículos à procura de solucionar seus problemas mecânicos e assim estacionam seus veículos tomando toda a rua consequentemente dificultando quem precisa usufruir dessa passagem pública. Onde está mesmo o Código de Postura Municipal?
Dizer que não apresenta nenhum requerimento de Projeto na Câmara Municipal já não é mais desculpa para não trabalhar, pois a partir de agora já temos uma sugestão:
* PROJETO DE LEI PARA FAZER UM VIADUTO localizado em frente à sua casa.

Outra sugestão é colocar em prática seu apelido de TRATOR de votos para limpar ou pelo menos descongestionar o trafego dessa pequena, mas importante, rua.
Sem falar que existe nesta porta de casa um pequeno ferro velho construído à custa de um ex ônibus.



Nenhum comentário:

Postar um comentário