15 de janeiro de 2013

Correntes do Pensamento Geográfico: 3ª - POSSIBILISMO GEOGRÁFICO

Foto: Geomousinho
Contrariando a Corrente exposta aqui anteriormente, a terceira corrente geográfica é a:

POSSIBILISMO GEOGRÁFICO - Esta corrente nasceu na França com Paul Vidal de La Blache. Esta corrente enquadrou no pensamento dominante dos homens. Os estudos frutos dessa linha de pensamento geográfico procurou provar que a natureza exercia influências sobre o homem (determinismo), mas que o homem tinha (e têm) POSSIBILIDADES de modificar e de melhorar o meio, dando origem assim ao POSSIBILISMO GEOGRÁFICO. 

Sendo assim fica claro que a natureza passou a ser considerada fornecedora de possibilidades e o homem o principal agente geográfico.
O nosso espaço geográfico só existe porque o homem faz parte de dele, caso contrário, seria apenas um espaço natural.
Então a vida social inclusive a educacional depende muito de HOMENS que façam a diferença dentro das políticas educacionais, pois apenas o sistema sem raízes não será o suficiente para um equilíbrio entre as forças internas e externas para a criação de um espaço, feito de homens, melhor.
Paul Vidal de La Blache

8 comentários:

  1. muito obrigado vc me ajudou bastante com este tema sobre possibilismo geográfico.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelas informações.

    ResponderExcluir
  3. obrigado, me ajudou muito

    ResponderExcluir