20 de março de 2009

OS TIPOS DE PROFESSORES


Há perdidos de alunos, aqui estão os engraçados e importantes tipos de profissionais da educação:

PROFESSOR XUXA – É aquele que recebe para entreter as crianças.
PROFESSOR DENOREX – É aquele que tem cheiro, tipo, parece, mas não é.
PROFESSOR BRASIL-GÁS – É aquele que dá aula de 15 em 15 dias.
PROFESSOR ATEU – É aquele que diz que o governo não quer nada, os pais não querem nada, os alunos não querem nada, e ele também?
PROFESSOR CURURU – É aquele que é obrigado a pedir remoção, mas depois volta.
PROFESSOR DOMÉSTICO – É aquele que faz tudo o que o diretor quer.
PROFESSOR VIDENTE – É aquele que pressente a presença da supervisão.
PROFESSOR COMEDIANTE – É aquele que conta com humor que não dá aula.
PROFESSOR BOÊMIO – É aquele que recorda cantando em versos as aulas que deu no passado.
PROFESSOR EXEMPLAR – É aquele que faz questão de apresentar só os bons alunos aos amigos.
PROFESSOR TATU – É aquele que só dá aula de porta fechada.
PROFESSOR BABÃO – É aquele que só vive presenteando o diretor.
PROFESSOR CIGANO – É aquele que vive de escola em escola.
PROFESSOR FAMOSO – É aquele que por onde passa é reconhecido “lá vai ele".
PROFESSOR VAIDOSO – É aquele que não dá aula, mas anda sempre, com o livro de baixo do braço.
PROFESSOR PIPOCA – É aquele que de vez em quando explode em sala de aula.
PROFESSOR CIENTISTA – É aquele que passa o tempo todo procurando um método, como remédio de todos os males.
PROFESSOR COMO ELE – É aquele que nas capacitações só diz: “eu fiz como ele".
PROFESSOR CANINHA – É aquele que só dá aula depois que toma uma.
PROFESSOR BRINCALHÃO – É aquele que da aula o ano inteiro, e no carnaval ainda se fantasia de professor.
PROFESSOR ESPARRENTO – É aquele que só dá aula gritando, pra todo mundo ouvir
PROFESSOR PEDREIRO – É aquele que dá mais de 12 horas-aula por dia.
PROFESSOR EGOÍSTA – É aquele que diz a todo mundo que é o único que ensina.
PROFESSOR VIGIA – É aquele que só gosta de dar aula à noite.
PROFESSOR AZARENTO – É aquele que diz não poder dar aula no dia seguinte porque vai resolver um problema e na saída do motel encontra-se com o diretor.
PROFESSOR SONHADOR – É aquele que vive pensando que a educação vai mudar a sociedade.
EX-PROFESSOR – É aquele que nunca deixou de ser.
PROFESSOR ACANHADO – É aquele que escuta o que os outros falam, não emite opinião, mostra sempre um sorriso.
PROFESSOR CANTOR – É aquele que não ensina, e passa o tempo todo cantando para disfarçar.
PROFESSOR FAÍSCA – É aquele que já entra na sala de aula gritando.
PROFESSOR EXECUTIVO – É aquele que tem seu diário de classe sempre em perfeita ordem e com objetivos que nem ele sabe atingir.
PROFESSOR ASSISTENCIALISTA – É aquele que pode ate passar fome, mas faz belíssimas festas na escola, compra presentes, leva o aluno no médico, e ainda compra material didático.
PROFESSOR ABORTO – É aquele que odeia criança, mas foi ser professor por não saber fazer outra coisa.
PROFESSOR XEROX – É aquele que nada cria, nada transforma, tudo copia.
PROFESSOR BOM BRIL – É aquele que tem 1001 utilidades na escola.
PROFESSOR SÍLVIO SANTOS – É aquele que é autoritário disfarçado de democrata.
PROFESSOR IBOPE – É aquele que concorda com a maioria mesmo antes de ouvi-la.
PROFESSOR CAMALEÃO – É aquele que troca.de cor de acordo com o poder que estiver de plantão.
PROFESSOR ATRASADINHO – É aquele que não avança e critica quem se atualiza.
PROFESSOR POPULISTA – É aquele que dá nota gratuita para todos.
PROFESSOR TRABALHADOR – É aquele que tem consciência de que o trabalho intelectual não elitiza, o que tem consciência da classe a que pertence, o que sabe que as elites fugiram das escolas devido aos baixos salários, ficando nas mãos das classes populares a responsabilidade pela sua própria educação. Professor Trabalhador é aquele que sabe que quando terminam as possibilidades dentro da escola começam as suas responsabilidades política e sindical.
PROFESSOR LEITOR – É aquele que sabe ser e sabe o significado de todos os tipos, e ainda pode se identificar.
Uma homenagem aos vários tipos de alunos e críticos.

A ALTERNATIVA

Nenhum comentário:

Postar um comentário