4 de junho de 2014

Secretários Municipais não gostam de dar expediente.

foto: coisadecajazeiras
Oficialmente um Secretário nada mais é do que um auxiliar, um assistente, um ajudante do gestor municipal. Devido à algumas Leis Orgânicas os mesmos devem ser indicados para o cargo pelo gestor municipal, daqui começa o nepotismo e os apadrinhamentos. Qualificação profissional nesta hora não é válida. Qualificação somente para professores, e ainda ganham mal.

Os secretários executam o mandato, toda via não tem poder decisório. Como quase todo mundo sabe, o poder fica na mão do gestor. Aqui novamente as coisas desandam.  

Então fica a grande questão: como o gestor municipal pouco dar expediente, o que falar de um ou de uns secretário(s) que passa(m) de semana sem mesmo visitar sua(s) respectiva(s) secretaria(s)? Acho que alguns secretários não sabe nem onde fica a pasta que lhes paga, e paga bem, no fim do mês.

Você que não consegue encontrar com o todo poderoso gestor municipal o que deve fazer para resolver alguma pendência de sua comunidade que nem mesmo com os secretários não conseguem encontrar? 

O jeito é recorrer aos vereadores? Não. Quem deve trabalhar em defesa de seus direitos são estes secretários que ganham muito bem no fim do mês, mas que pouco trabalham. O trabalho deles parece que se resume e babar.

Vivem a puxar o saco dos gestores. Defendem com unhas e dentes qualquer palavra dita pelo seu patrão como se o patrão não fosse o povo, as comunidades que gritam por socorro mais que não são ouvidos, porque tem secretários preocupados somente em defender seu superior de qualquer coisa. São capazes de deixarem de viverem suas próprias vidas para viver a vida de quem lhe escolheu para receber milhares de reais sem mesmo dar um prego numa barra de sabão. E por que não vão dar expediente em suas secretarias? Porque estão ocupados em serem carrapatos do gestor municipal.

Muitos secretários são tão incompetentes que não sabem nem escrever, muito ler. 

Coitada da sociedade que ver nestes secretários a paralisação da máquina pública afundar ainda mais as mazelas desse povo que a cada ano renova suas esperanças em dias melhores com homens e mulheres que possam deixar de ser babões e passarem a serem trabalhadores para a sociedade como um todo. 

E aqui ficam meus sinceros e lastimáveis pontos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário