26 de setembro de 2014

Pintar os troncos de árvores não faz bem.

Praça Bento Rego
No passado, acreditava-se que pintar o tronco das árvores estaria protegendo-as contra ataques de formigas, fungos e cupins, no entanto, tal técnica hoje não é mais recomendada, pois não trás nenhuma benefício a essas plantas. 
Infelizmente o governo municipal de Esperantina tem o costume de fazer isso em todos os governos que nos administra.
Esta prática é por conta da falta de conhecimento e crença cultural


Algumas espécies de árvores realizam trocas gasosas através de estruturas presentes nos caules, dessa forma, pintá-las com cal pode impermeabilizar essas regiões e assim, comprometer a saúde vegetal.
Muitas árvores apresentam troncos ornamentais como é o caso da pintangueira, goiabeira, copaíba, entre outras, então, pintar o caule dessas plantas apaga-se a beleza dessas plantas.
No caso de parques e vias públicas, árvores pintadas de branco tornam o local artificial e feio paisagisticamente.

A praça Bento Rego, localizada no Bairro Palestina, agora passou a ser vista pelo governo municipal. Está recebendo uma limpeza diária, no entanto, a prefeitura, através da Secretaria de Obras, permitiu que os caules das árvores fossem pintadas.

Vamos evoluir e principalmente não fazer, errado, como os outros governos, inclusive do ex-gestor Chico Antonio, onde muitas árvores foram pintadas pela cidade afora.

E onde está a iluminação?

Nenhum comentário:

Postar um comentário