16 de setembro de 2016

Benfeitoria do 'morro'

"Você é um petista, um ptralha".
"Você é imparcial", 
"Você fala apenas bem do 'pé do morro'".

E tantas outras afirmações (ou seria acusações?) estou recebendo ao longo dos debates que tento construir seja na minha página em uma rede social ou mesmo aqui em meu Blog na tentativa de criarmos uma sociedade menos alienada sobre os fatos que são necessários termos conhecimento.

Aqui estou, oooh, aqui estou ..., para dizer que devo reconhecer no líder lá do 'morro' uma grande benfeitoria feita recentemente.

Todos sabem que o líder em breve se aposentará de seus serviços prestados ao Estado, pois o mesmo começou muito cedo a trabalhar.
Hoje já é, como o próprio fala, quase duas décadas de muito compromisso.
Por ter começado cedo, então a aposentadoria está próxima.
Isso significa que o trabalho é um lema que não foge das raízes desse líder.

O homem é trabalhador mesmo. E todos que estão ao redor dele devem trabalhar muito por uma sociedade mais promissora.

Sendo um defensor do trabalho, eis que surge uma "Boa Nova" para compartilharmos juntos dessa benfeitoria.
As colocações são fidedignas ao conhecimento de todos por parte de quem hoje está sendo primeiramente direcionada a trabalhar invés de estudar.

Todos sabemos que o líder do 'morro' parece que não dar muito valor aos estudos dos outros. Desprezou recentemente, em pleno estabelecimento de ensino, uma estudante.

Pois bem. Uma jovem universitária do IESM daqui de Esperantina no momento está precisando estagiar para terminar seu sonhado curso. Se não me engano, é o de Educação Física.

Mais um empecilho está a lhe atrapalhar. Seu próprio trabalho. Melhor dizendo, seu chefe no trabalho.

O chefe não quer permitir que a jovem universitária se afaste do trabalho para estagiar. Caso a jovem decida estagiar para terminar seu curso universitário, provavelmente seu chefe irá lhe demitir.

Eita Esperantina de jumento enterrado de cabeça para baixo.

A jovem ficou com medo de gravar sobre o episódio, pois tem medo de represálias.

"Posso não concordar com nenhuma palavra que você diz, mas defenderei até a morte o direito de dizê-la" (Defensor da Liberdade de Pensamento - Voltaire).

Fto - não2não1

Nenhum comentário:

Postar um comentário