Pular para o conteúdo principal

Prefeita e vice-prefeito pedem a vereadores que estudem mais

Quando se fala em educação, sou publicamente defensor. Não poderia ser diferente.

Muitas crises hoje estão instaladas ao redor dos quatros cantos do planeta infiltradas em todas as instâncias. 

Maior do que a crise educacional há existe.

A falta de educação é "o ponta pé" de muitas outras crises que adoecem os órgãos que deveriam fazer o dever de casa que é solucionar, ou pelo menos diminuir, os problemas referentes ao Estado de Bem Estar em que todas as sociedades deveriam desfrutar.
Independe dos avanços educacionais no Brasil das últimas 4 décadas, ainda existe entre nós representantes do povo com pouca ou nenhuma 'bagagem' educacional, ou seja, analfabetos mesmos.

Quem é mais analfabeto: o eleito ou o eleitorado?

Não vamos nos prolongar neste assunto, pois o assunto principal diz respeito ao discurso da prefeita e vice prefeito de Esperantina, Vilma Amorim e Jânio Filho respectivamente, durante a abertura da Conferência Municipal do Saneamento Básico realizada no dia 25 de Maio do corrente ano no Auditório Sônia Amorim (Biblioteca Municipal da cidade).

Primeiro foi Jânio Filho: "ainda há vereadores, durante o século 21, que não entenderam a importância do Saneamento Básico para nossa cidade".

Logo depois Vilma Amorim, fazendo uso de sua formação na academia - professora, deu a lição: "alguns vereadores precisam estudar mais para entender a diferença entre Plano Municipal de Saneamento Básico e o Projeto de Esgotamento Sanitário".

Estas duas lições foram equivocadas?

Aprender nunca é ruim.
Está certo que os vereadores, mesmo alguns sendo professores, devem a cada dia aprender lições para a vida quanto aos projetos que possam evoluir nossa cidade à condição de uma cidade digna de se morar.

A dica foi maravilhosa. Foi uma crítica plausível.
Sinceramente espero que os criticados aceitem estas duas críticas como aprimoramento para seus futuros trabalhos legislativos.

No entanto, não podemos deixar de mencionar que alguns vereadores da base governamental dos críticos votaram a favor da doação da escola mais antiga da cidade ao Poder Judiciário lá no mês de Fevereiro.

Resumindo, sempre precisamos estudar mais, pois assim teremos uma estrutura política e educacional mais equilibrada e limpa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bom dia ou Boa Tarde?

Alguns seres classificam esta diferença entre dar um BOM DIA ou BOA TARDE levando em conta o ALMOÇO e não as horas do movimento de Rotação da Terra. Você já foi corrigindo quando desejou um BOM DIA para quem já tinha almoçado? Provavelmente que sim. As indesejadas situações onde somos corrigidos quanto as felicitações de gentileza muitas das vezes não são agradáveis. Então quando devemos desejar BOM DIA, BOA TARDE? Depende das horas e não do almoço em si. Os cronologistas não aceitam esta afirmativa. Para os cronologistas o DIA tem 24 horas, portanto, desde que você esteja dentro desse período sempre será "dia". Como será você chegar na casa do (a) namorado (a) a partir das 21:00 hs e dar um BOM DIA em plena noite? No mínimo será cogitado de doido(a) ou bêbado(a). Independente da gentileza que queira passar ou até mesmo a educação que recebeu dos pais e familiares em geral o mais adequado é que das 06:00 hs até as 12:00 hs você deve dar um BOM DIA e depois do meio dia até a…

Países de industrialização tardia.

Depois da Inglaterra, Bélgica, França e Estados Unidos foi a vez de Alemanha, Japão, Canadá e Itália a se industrializarem. Por que a Alemanha (3ª Economia do mundo) se industrializou tardiamente em relação aos países pioneiros? Sua história é marcada por guerras, destruição e reconstrução. Foi derrotada tanto na 1ª como na 2ª Guerra Mundial, foi dividida e mesmo assim conseguiu reunir forças para sair, rapidamente (30 anos) dos destroços e alcançar a 3ª posição dos países mais industrializados do mundo capitalista de hoje. O Japão foi a 1ª potência a se industrializar na Ásia. Hoje é a 4ª potência econômica do mundo. Mesmo durante a 2ª Guerra, onde foi totalmente arrasada, aprendeu que para se alcançar a meta de um país industrializado é necessário se investir em Educação para gerar capital e consequentemente comprar matéria-prima na qual não tem em seu pequeno subsolo. Este dois países deram exemplo de trabalho, dedicação, força de vontade e esperança para o mundo ao mostrar que me…

Não plante Nim Indiano

Especialistas de várias áreas, biólogos, geógrafos, pesquisadores, do estado do Ceará estão preocupados com a morte do bioma Caatinga naquele estado por conta do plantio desenfreado do Nim Indiano (Azadirachta). indica A. Juss.

Estes especialistas defendem esta tese com base em observações in locus nestes últimos 10 anos.

A região de Inhamuns, sudoeste do estado do Ceará, está sofrendo com a proliferação do Nim Indiano - planta exótica oriunda da Índia. 

Invés de plantar árvores nativas da Caatinga, a população em geral e o Estado estão preferindo o Nim. 

..."a espécie Nim se alimenta dos microrganismos da terra, é repelente natural de proporções desastrosas para a fauna e a flora, tem poder extraordinário de reprodução que já está sem controle, é árvore invasora, é abortivo natural que já ocasiona danos na região", explica Jorge de Moura, secretário executivo do Pacto Ambiental da Região dos Inhamuns (Parisc).