21 de novembro de 2012

Racismo ou Consciência Negra?

Foto - opatifundio
Esperantina está literalmente "negra". A situação política e social não é das melhores. 
Atraso econômico? 
Cegueira cultural?
Deficiência ambiental?
Pobreza social?

Nada contra os negros, longe de eu ser racista, no entanto se for para defender quem um dia nos ajudou e ainda ajuda a crescer, mesmo que seja financeiramente, que defendemos todos: os imigrantes, as mulheres, OS BRANCOS, os pardos, os portugueses em si, os índios, os homossexuais, etc.
Em um país altamente diversificado culturalmente falando como o nosso fica até difícil pararmos todos os dias em que se comemora alguma coisa ou alguém.
Ao tempo que temos um dia exclusivo para comemorarmos o dia do negro a Lei abre brechas para mais racismo. Temos o dia do negro e temos o dia do branco? Não? Então existe bem aqui racismo. Não é a cor que deve ser exaltada, mas a importância de um grupo que infelizmente um dia foi descriminado como muitos outros e até os dias de hoje.
Que defendemos todos, que homenageamos todos ou nada, ou ninguém. Ter um dia exclusivo não significa que tal grupo deve ser lembrado apenas naquele dia ou mesmo lembrando por ter feito algo de importante no passado próximo ou longínquo. O negro também é racista.
Que nós todos continuemos a caminhar no caminho da consciência seja ela negra ou branca. Que o mundo seja menos inconsciente dos fatos que nos atrasa por pensarmos que um dia só irá mudar o mundo ao tempo que durante os demais dias fazemos por onde não sejamos humanos suficientes para distinguir racismo de preconceito. Racista aos outros e preconceituosos a nós mesmo por aceitarmos que a educação ainda não está fazendo diferença no subconsciente humano.

Um comentário:

  1. Que bosta esse texto. Me responde uma coisa: se a sociedade não fosse sexista não faria o menor sentido ter o dia da mulher. É como o dia da consciencia negra pai, só faz sentido porque a nossa sociedade é racista, olha só o seu texto, não olhe só para o seu umbigo. Racismo inverso? Só se eu te virar do avesso racista.

    ResponderExcluir