19 de outubro de 2015

Saldo positivo

Devemos ter alegria em está servindo ao próximo.

Qual o nosso papel, como Igreja, perante a atual sociedade?

Por estas bandas o primeiro saldo é não falar da Igreja. Não podemos falar de nós mesmos. O que parece ser o mais conveniente para certos humanos é abaixar a cabeça como forma de apoiar quem está no altar.

Quem pôde comparecer às belíssimas novenas de Nossa Senhora da Boa Esperança percebeu um discurso, um tanto formalizado antes mesmo de ir ao altar, dos convidados padres em defesa do pároco de Esperantina.
Parece que o pároco de Esperantina, há mais de um ano por estas bandas, não está contente com as Igrejas (pessoas) que não apoiam sua forma de pastar as ovelhas.

Engraçado que é, até que está mostrando algum serviço este pároco.

O serviço das Novenas serem ministradas na porta da Igreja Matriz durante os Festejos é positivo. Mas é preciso dar acento a todos. Este negócio de ter fiéis em pé enquanto os bancos da Matriz estão guardados dentro da Igreja não está certo.

Ambulantes a ganhar o pão de cada dia (noite) comercializando em cima da Praça não está correto da mesma forma que a barraca da própria igreja está a vender suas mercadorias.

Leilão fiado, em época de crise financeira, foi uma ótima cartada. Apoiadissíma.

Consequentemente a estes leilões, tiradas as despesas de todo o Festejo, eis que o saldo financeiro foi positivo. É verdade que a Igreja Católica arrecadou mais de 40 mil? Huuuum!

Esperamos que este saldo não sirva para tirar o Painel de Cristo de seu devido lugar, pois como foi bem dito durante o Festejo, tal arrecadação seria utilizada para a reforma da nossa Igreja Matriz. 

Olha o dízimo aí gente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário