1 de setembro de 2014

Esquerda daqui, direita dali...

... chute nos ovos, apunhalada nas costas, rasteira, pisada nos pescoço, puxada de cabelo, dedada nos olhos e no c.... Nesta luta, literalmente, vale tudo.

De um lado a torcida vestida de vermelho.
Do outro lado a torcida vestida de azul.

Os juízes anunciam mais um ROUND para delírio da torcida e tristeza do povo. Aqui vai longe.

Esta luta Vale Tudo mais parecida com corrida política pelo poder de nossa coitada cidade vai longe.
Os preparativos finais aconteceu no dia 06 de Outubro do ano passado.
As luvas foram montadas. Passaram pomada de vaselina no rosto para os murros deslizarem e a dor ser menor.
Lá vão praticamente dois anos de luta. Eiiiiiiiiiiiiita!
Quedas foram dadas. O apito não para de soar. 
Alguns juízes dão como encerrada a luta. Outros juízes não aceitam o placar.

Gritos em forma de foguetes são dados pelo lado dos camisas azuis, enquanto os camisas vermelhas ficam calados.
Já foram 04 quedas pelo lado azul, no entanto o lutador, além de forte, é teimoso. 

A briga é de gente de grande. Pequeno mesmo apenas o povo que sofre pela escuridão do desenvolvimento.
Qualquer aliado nestas horas é bem vindo.
Um dos aliados dos camisas azuis cansou de tanto ajudar o "teimoso" sair do chão que desistiu da luta. 
Entra uma mulher na disputa. Ela vem com a ajuda do homem mais rico do estado. A mulher é poderosa, mas a mulher do lado vermelho não fica por baixo.

Murro daqui, soco dali. Quem é fraco deve sair do meio, caso contrário  irá pegar um bufete na nuca e é capaz de morrer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário